Lari Arantes

Tem a ilustração como forma de comunicação. Deixou os trabalhos que fazia em agências para se dedicar a um caminho autoral. Valoriza o que é feito à mão, principalmente produções independentes e femininas. Faz pôsteres, ímãs, quadros, ecobags, cadernos, gravuras e bordados. Costuma participar de feiras coletivas mas também vende suas artes pela internet.

Mais histórias
Chinelaria

R86

um clássico

Emicida

as histórias que a gente tem

As potências da gambiarra

experimentos visuais, mitos e transcendência

voz é corpo

rap feminino